Meio termo.

"Ah! Mas que sujeito chato sou eu, que não acha nada engraçado. Macaco, praia, carro, jornal, tobogã, eu acho tudo isso um saco."

Há todo um orgulho em ser pessimista, você crê que isso te protege, e até que está um pouco melhor que os outros por não ser tão iludida como eles, acha que ver a vida de um jeito alegre é ilusão. Mal sabia que na verdade, já estava iludida.

Acreditar que sempre está tudo ruim difere completamente de querer melhorar e crescer cada vez mais. Sempre vai melhorar, a vida é isso, uma melhora atrás da outra com vários momentos ruins no caminho, mas que vão construir sua história e te mostrar o que você realmente quer ser, o que não quer ser, o que quer e não quer ter, quem quer conhecer melhor, quem quer manter por perto e quem precisa manter longe. Quanto tempo passamos mandando tudo para o inferno e exclamando com convicção que as coisas só dão errado? Como se ter problemas e cometer erros só acontecesse conosco. Não precisa abaixar a cabeça com vergonha, nem dar esse risinho disfarçado, olha pra mim e escuta isso: todo mundo é assim! Acredite, a maioria das pessoas está passando por coisas semelhantes, que as machucam na mesma intensidade, mas acontecem de formas diferentes com cada um, porque ninguém é igual, e você sempre soube disso, mas é tão fácil jogar a culpa nas próprias costas e dizer que tudo sempre dará errado com você, não é? Eu te entendo, mesmo. 

Conselhos nem sempre são bons, mas eu vou deixar um aqui e cabe somente a você decidir se ele te ajuda ou não. Preparada? Larga esse pessimismo, para de fazer disso um motivo para se orgulhar de si, você não precisa perder tudo por causa desse teu jeito pra só então perceber que as coisas ruins acontecem porque você mesma faz isso. Aconteceram coisas ruins? Eu sei que sim, mas você lembra de todas as coisas boas que vieram junto, não adianta tentar se enganar, não preciso cita-las, só de ler isso você lembrou de inúmeras. Não estou falando pra você acreditar que a vida é um conto de fadas, que todas as pessoas do mundo são boas e merecem sua confiança, muito menos que tudo sempre vai dar certo, só estou pedindo pra você considerar a ideia de que em algumas coisas nós ficamos melhor em cima do muro. Se der errado, você pula pra trás e encontra um caminho melhor, afinal, você sempre fez isso sem nem perceber, mas se der certo, você já está bem ali, a um passo do que é certo, do que é seu. Você achava que ser otimista era como acreditar na Terra do Nunca, mas olha só, é tão real que parece até mentira! Posso te contar mais uma coisa? Muitos problemas ainda vão aparecer, mas com essa visão nova, você vai conseguir passar por eles e encontrar coisas boas. 

Agora, você não acha que tudo sempre vai dar errado, você luta pelo que pode, abre mão quando sabe que em breve algo vai escapar e o melhor de tudo, você descobriu que o otimismo te fez achar o passado chato e por isso você correu atrás de novas coisas. E o pessimismo? Ah, ele só te fez ficar parada por muito tempo em algo cômodo, mas ainda bem que você me ouviu.

"É você olhar no espelho, se sentir um grandessíssimo idiota, saber que é humano, ridículo, limitado, que só usa dez por cento de sua cabeça animal, e você ainda acredita que é um doutor, padre ou policial que está contribuindo com sua parte para nosso belo quadro social. Eu que não me sento no trono de um apartamento, com a boca escancarada cheia de dentes, esperando a morte chegar." (Raul Seixas - Ouro de Tolo.)


1 º Esse texto foi escrito para o meu eu do passado, e foi difícil ler tudo isso...
2 º A pesquisa do IBGT teve seis votos, todos positivos. Preciso só de um tempo pra conseguir gravar algo, perder um pouco da minha timidez e encontrar alguns temas com base no que vocês pediram pelo formulário e logo, logo o canal no Youtube estará pronto.
3 º Quero agradecer pelos elogios enviados nos formulários e por todas as coisas meigas que me mandaram, eu salvei o formulário no computador pra sempre ler aquilo, algumas pessoas foram muito gentis na resposta, obrigada mesmo! Obrigada também pelos elogios ao layout, faltam algumas coisas pequenas, mas passar três semanas fazendo algo e descobrir que as pessoas gostaram é ótimo, vocês são ótimas(os)!

10 comentários:

  1. Sabe de uma coisa? Acho muito legal ver uma pessoa da sua idade com esse nível de maturidade. Quando eu tinha 18 (calma, não foi há tanto tempo assim, tá?) eu simplesmente não tinha ninguém da minha idade pra conversar, porque eu achava todo mundo muito bobinho, e lendo algumas das coisas que você escreve eu fico pensando que, se eu tivesse te conhecido na escola ou coisa assim, eu é que me sentiria muito bobinha. É muito difícil essa coisa de se autoanalisar, difícil e doloroso. Então parabéns, moça! Você está indo no caminho certo!

    Martina
    (dessa vez eu lembrei! \o/)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De fato Tati. Acho que se eu tivesse te conhecido na escola a minha história teria sido outra. Talvez eu nem fosse pessimista.

      Excluir
    2. Ah Martinaaaaaaa, você que é sempre muito gentil comigo <3
      Até ano passado eu era dessas que achava todo mundo bobinho e nossa, isso já me ferrou tanto na vida :(
      To em processo de melhora, mas que é difícil aceitar que cada um tem seu jeito é, né?

      Excluir
  2. Super verdade isso de haver um orgulho em ser pessimista . As vezes fico olhando para as pessoas que estão se divertindo, com uma cara feia por dentro da minha expressão de paisagem e fico pensando "Hump, idiotas, que morram" hsuahsuahsu Mas isso é só por falta de habilidade social de chegar junto e fazer amizade. Foi um ótimo texto e um ótimo conselho. Se você escreveu isso para si mesma a um tempo atrás, tenho certeza que deve ser uma pessoa que evolui todo dia (acabei de achar o blog e já estou julgando a autora, mas tudo bem se for um elogio, nê?).
    Beijos! | Amor Nuvem

    ResponderExcluir
  3. Ser pessimista, estar na 'bad' é o mal do século, se tornou viral e se você parar 5 minutos pra ler sua timeline no Twitter, pelo menos no meu, pensamentos pessimista é eufemismo pro que a gente lê por ali. E realmente a gente se envolve e fica nisso. O problema é esse mesmo, ficar só nisso. Eu muitas vezes uso o pessimismo por 'segurança', mas chega o momento em que eu percebo que ele só me deixa mais insegura, mais ansiosa, mais frustrada e menos feliz comigo mesma e com as pessoas ao meu redor. Seu texto aborda muito bem esse assunto e traz um conselho valioso e que deve ser refletido e colocado em prática em nossas vidas.

    Beijos
    http://mon-autre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. A gente tem uma mania bem estranha de achar que só a gente passa por dificuldades e que nossos problemas são maiores que os dos outros. Eu era bem assim, até conhecer blogs e vlogs de pessoas normais e que passam as mesma dificuldades que até certo tempo atrás "eram só minhas". Todos tem problemas, mas há quem se afunde neles. Eu não gosto de pessoas negativas, aquelas que só falam de problemas e vivem sempre chateadas, xô energia negativa!

    ResponderExcluir
  5. Mas em uma youtuber por ai?!

    O pessimismo ronda meus pensamentos e a vezes ser otimista é a coisa mais difícil que tem.

    ResponderExcluir
  6. Concordo com os comentários acima, o pessimismo/derrotismo virou o novo mal do século e acima de tudo, acredito que energia é algo extremamente poderoso e palavras impulsionam atitudes, que impulsionam respostas da vida e consequentemente estamos todos presos numa teia de aranha chamada vida de merda.
    Talvez pelo momento político e pelo excesso de informações que acabou por nos tornar reféns de ideologias, achismos e necessidade de autoafirmação, creio que tenho de ser pessimista e acreditar que não teremos melhoras a curto prazo não. hauehaueaehu.

    Adorei teu texto <3

    Faroeste Manolo
    Página Facebook

    ResponderExcluir
  7. Ain que formulário? Queria ter respondido o.o

    Enfim, sobre o assunto do post, preciso me defender e dizer que não foi por falta de tentativa.
    Eu tentei ser otimista e falhei desgraçadamente. Tentei ser realista, deu um pouco mais certo, mas o castelo também ruiu. É que eu não acho que as coisas só dão errado comigo, de forma alguma, minha teoria é outra. Acho que somos criados para sermos otimistas. Nossos pais querem que tenhamos uma vida melhor que a deles, nos criam (em sua maioria) com proteção e tentando nos fazer acreditar que somos especiais. Os professores, os pais, os amigos, todos nos pedem o mínimo: um sorriso. Coitados, eles só querem a nossa felicidade, é tão difícil assim?
    Acho que vai no efeito bola de neve. O otimismo faz bem, o realismo também, mas a cada sentimento de esperança, a cada sorriso falso, a cada "vai ficar tudo bem" ficamos mais e mais soterrados nessa ilusão, com dificuldade de aceitar que talvez não fique tudo bem. E o pior é perceber que as vezes só um pouco de realismo não é suficiente para estourar a bolha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E que fique bem claro que não estou defendendo a glamourização do pessimismo que acontece nas redes sociais, por exemplo. No way. Concordo totalmente com você nesse ponto.

      Excluir

-Spam não são publicados.
-Costumo responder todos os comentários no blog de quem os faz, se você estiver em anônimo, volte ao post em que comentou que responderei no mesmo.
-Obrigada por visitar <3