Amontoado de Janeiro.


Sempre quis fazer um resumo sobre cada mês, mas me faltava a coragem para começar. Fazem treze dias que Janeiro terminou, eu sei, mas como disse no post anterior tive problemas técnicos de modo que não foi possível fazer esse post antes, como sempre dizem, o que importa é a saúde, e esse é sem dúvida alguma um blog saudável.

No primeiro mês do ano assisti mais filmes do que em 2015 inteiro (sério), na verdade não tenho esse costume, sou uma pessoa que prefere séries, mas as férias e todo o cansaço mental presente me fizeram apelar pra qualquer distração; ao todo assisti nove filmes e um documentário, os ordenei dos melhores para os piores.


  O Fabuloso Destino de Amélie Poulain. (Reassistido.)
São muitos os filmes que eu nunca assisti por sempre preferir rever um que já conheço, mas Amélie me proporciona momentos tão sagrados que eu não sei como deixá-la ir. Além de ser um dos meus filmes favoritos, costuma sempre reacender a chama da esperança aqui dentro.



Donnie Darko. (Reassistido.)
Eu gosto muito de Donnie Darko, acho uma ideia inteligentíssima e me pego descobrindo coisas novas cada vez que reassisto. Pra quem nunca assistiu, recomendo ler primeiro as teorias que o explicam, apesar de conter muitos spoilers acho que fica mais fácil de assistir sem perder as partes principais (ou não).

Orgulho e Preconceito. (Reassistido.)
Eu não vou tentar justificar essa lista só ter filmes reassistidos até o momento, sou o tipo de pessoa que se diverte muito com Sessão da Tarde então vocês já podem concluir com essa informação que eu não sou das mais críticas com filminhos. Orgulho e Preconceito é uma adaptação da maravilhosa obra de Jane Austen, rola toda uma identificação com a Elizabeth, e Mrs. Darcy é um dos meus maiores crushs dessa vida, casava, tinha filhos e etc.

Amor e Inocência. (Reassistido.)
Às vezes eu até me questiono se fiz bem em assinar um mês de Netflix pra usufruí-lo com filmes que eu já conhecia, mas a vida não está ai para fazer sentido, não é mesmo? Motivos que tornam o filme maravilhoso:
  1. Jane Austen;
  2. Anne Hathaway;
  3. Anne Hathaway como Jane Austen;
  4. Tom Lefroy;
  5. James McAvoy como Tom Lefroy;
  6. UM CASAL QUE NÃO TERMINA JUNTOS E A GENTE SOFRE JUNTO, SOFRE MUITO POR SINAL!

Simplesmente Acontece.
Além de eu realmente gostar de reassistir filmes e de achar a Sessão da Tarde mais do que necessária, costumo preferir comédias românticas, pois sou da seguinte opinião: se for pra ver coisa ruim, eu saio na rua. Pois bem, Simplesmente Acontece é baseado no livro de mesmo nome, que inclusive pelo que andei lendo em resenhas, não é tão bom como deveria ser. Felizmente o filme está ai para provar que tem sim como uma adaptação cinematográfica ser melhor que seu livro; o enredo é aquele que todo mundo já conhece: melhores amigos de infância que são apaixonados um pelo outro, mas nada acontece, e se tem uma coisa que me faz amar um filme, é justamente ele ser desse tipo.


Como Não Esquecer Essa Garota. Alexis Bledel encarna mais uma vez a personagem fofa da história toda. Gus, um homem muito bonito por sinal, é um vendedor de joias, mora sozinho, e ama astronomia; um dia ele aparece na lanchonete em que Molly trabalha e ela nada boba o acha uma peça interessante, mas no meio do caminho tinha uma pedra, tinha uma pedra no meio do caminho: Gus tem um aneurisma cerebral que o faz ter perda de memória recente. Já vimos o Adam Sandler fazer algo parecido antes? Sim, já vimos, mas nesse filme o caso fica mais dramático o que não o torna um problema.
A Espuma dos Dias. É uma adaptação francesa para o livro de Boris Vian. É ótimo, mas escolhi assisti-lo no dia errado, o que me fez não entender metade dele, já que apresenta muitas críticas sociais e necessita de um cérebro apto para o serviço, peço perdão aos envolvidos.
Naomi and Ely's No Kiss List. Lançado no ano passado, o filme é uma adaptação do YA de mesmo nome. Naomi e Ely são melhores amigos desde a infância, ambos estão passando por momentos difíceis na família e precisam aprender a se virar já que começaram a faculdade. Ainda no colegial, fizeram uma lista com os garotos que ambos não poderiam beijar (sim, Ely é gay) cujo propósito é evitar que um deles acabe ficando com um garoto que chama a atenção do outro. Coisas acontecem, porque elas sempre acontecem, e parece que tudo vai dar errado mas não da. No inicio parece ser bem bobinho, mas no fim fica uma mensagem muito legal sobre amadurecimento.
Juntos Pelo Acaso.  Também é uma comédia romântica! Holly e Eric tem amigos em comum que por um tempo insistiram que os dois dariam um belo casal, o que cultivou o ódio entre ambos. A ideia do filme é bacaninha, engraçadinho e etc, mas a problematizadora que há aqui dentro não me deixou em paz desde o momento que apertei o play. Eric é um cara insuportável, que não só diminui mulheres verbalmente como também as trata como inferiores. Essa pessoa prega a palavra da heterofobia livremente pela internet. 
Documentário: Oh My God? Poderia ter sido um ótimo documentário, visto que percorre o mundo inteiro mostrando as diferenças entre as religiões e como mesmo assim estão todas unidas pela crença na existência de algo maior que todos nós, mas me incomodou muito perceber que em alguns momentos o produtor tira sarro de crenças menos parecidas com as suas, como se estivesse tentando provar que algumas são mais certas que as outras. Não sei se foi uma percepção errada da minha parte, mas enquanto não o reassisto deixo essa opinião em aberto.



Como meta para esse ano, estou me forçando a ler no mínimo quarenta e oito livros. 2015 foi um ano lotado demais e acabei perdendo o costume de fazer exatamente uma das minhas coisas preferidas: ler. Comecei com Eu Sou Malala, uma autobiografia incrível, que comentei sobre aqui e me deixou com uma vontade imensa de ser alguém melhor (e de ser melhor amiga da Malala também). Reli Pó de Lua, da Clarice Freire, que tem uma proposta parecida com livros como Eu Me Chamo Antônio. 


Comecei a reler O Menino do Pijama Listrado, que inclusive já abandonei, hehe. Continuei a leitura de Serial Killers: Louco ou Cruel?, da investigadora brasileira Ilana Casoy, um livro muito bem feito, mas que demorei tanto pra terminar por culpa do vestibular. Comecei a ler o ebook de Backlash: o contra ataque na guerra não declarada contra as mulheres, e é horrível perceber como um livro escrito no século passado ainda se aplica completamente aos dias atuais, uma ótima leitura pra quem ainda tem dúvidas sobre o feminismo, ou gostaria de se aprofundar mais no assunto. Comecei a reler A Cidade e as Serras, já que está entre as leituras obrigatórias do vestibular. Ainda não consegui terminar e sinto muito por isso, ano passado foi o livro que tive maior dificuldade pra ler e pelo visto esse ano continuará sendo. Me arrisquei no incrível mundo das compras online e aproveitei a promoção do Submarino para comprar o box de Star Wars, com quatro livros capa dura maravilhosos!

Aproveitei o mês de férias e fui com mamis soberana conhecer o Aquário de São Paulo. Quando chegamos pensei que seria a maior roubada por estar em uma área residencial, mas me surpreendi muito. Apesar de não concordar de maneira alguma com a presença de Aurora e Pelegrino (os ursos-polares) no local e de ter sentido tristeza quando os vi andando impacientes de um lado para o outro, é um espaço bem distribuído e muito bem cuidado. Ao lado, um canguru viciado em seduzir.



Fiquei feliz com um sorteio realizado pela Intrínseca, depois de dezoito anos sem ganhar nada FINALMENTE tive meu momento de glória e recebi o livro O Regresso.

No incrível mundo das séries, comecei a assistir Unbreakable Kimmy Schmidt e recomendo se o que você procura envolve não pensar em nada problemático e só dar umas risadas. Também comecei a assistir Degrassi: Next Class, que comentei melhor a respeito aqui, e finalmente consegui ficar em dia com Young & Hungry. No mundo da música, adquiri um amor todo especial pelo moço James Bay, e creio que isso é apenas o inicio de um longo e verdadeiro amor. 

Janeiro foi muito bem aproveitado, ao contrário de Fevereiro que já não foi grande coisa, mas isso eu conto pra vocês mês que vem, certo? E o inicio de ano de vocês, como foi?

Comentários

  1. Esse é 100% o tipo de post que eu amo, porque eu posso comentar sobre tudo fazendo tópicos e porque eu acabo com umas coisas preciosíssimas em mãos. Ainda bem que você começou a fazer isso (e eu tô bem tentada a fazer também, rs), por favor não pare.

    Sobre os filmes:
    Amélie Poulain: eis um filme que todo mundo (TODO MUNDO) quer que eu assista, mas eu sempre enrolo e não vejo. Não sei porquê. Abri o netflix pra ver a descrição e parece o tipo de história que eu gosto. Acho que vou ver agora.
    Donnie Darko: esse filme é terror? Ele me assusta horrores. Conheço um menino que fez algumas tatuagens por causa dele, e nunca vi nada além de cenas soltas, mas me dá um desespero enorme esse coelho.
    Orgulho e Preconceito: MOZÃO.
    Amor e Inocênca: COMO ASSIM A ANNE FEZ UMA ADAPTAÇÃO DE UM LIVRO DA JANE AUSTEN E NINGUÉM NUNCA JOGOU ESSA INFORMAÇÃO NA MINHA MESA?????? *dando play e gritando ao mesmo tempo*
    Simplesmente Acontece: eu não consigo com esse filme. Simplesmente detesto tudo nele, absolutamente tudo, e acho extremamente forçado, um rascunho do que Um Dia poderia ter sido, etc. Sei lá. Não consigo.
    Como Não Esquecer Essa Garota: EU AMO ESSE FILME HORRORES, choro tanto. Tanto. Meu Deus. E Alexis. <3
    A Espuma dos Dias/Oh My God: nunca ouvi falar????? O primeiro não chamou a minha atenção, mas curti a sua crítica sobre o segundo e agora quero ver pra formar uma opinião.
    A Lista de Não Beijos: achei fraco, mas achei válido. Não veria duas vezes, achei que as cenas se conectam de uma forma muito ruim, as coisas ficam meio vagas, paixões surgem e morrem de repente.........Não sei não.
    Juntos Pelo Acaso: não resisto a um filme que envolva bebês e casais, gente, desculpa, vou adorar todos pra sempre e é isso aí.

    Sobre os livros:
    Quero muito ler Eu Sou Malala e também abandonei O Menino do Pijama Listrado (o filme é TÃO MELHOR de acompanhar). Esse livro sobre Serial Killers vai e volta na minha vida, mas nunca para nela, e eu tenho uma vontade imensa de fuçar pra ver se amo ou se odeio. Cidade e as Serras, miga, só posso te desejar boa sorte, porque ô livrinho chato da porra. Só fica melhor pro final, mas tô aqui torcendo por você. <3 E parabéns por vencer o concurso!!!! Tô no grupinho de quem nunca ganhou nada na vida, me ajuda a sair!

    Sobre a música: não conhecia o moço, adorei o moço, provavelmente vamos ficar bem próximos.

    Acabei? Acho que acabei. Ufa! ahahaha
    Beijo grande, Tati!

    ResponderExcluir
  2. Orguho e Preconceito, uhuuu! \o/ <3

    Sério q vc abandonou O Menino do Pijama Listrado? Eu li faz um tempão, mas foi um livro que me marcou muito. Achei mt bom! Eu daria mais uma chance, rs...

    Já li livros da Ilana Casoy. Ela manda mt bem!

    Nem sabia que tinha um aquário em SP! #alienada E esse canguru émt sexy mesmo hahaha

    Não conheço James Bay, dps vou dar uma conferida. ;)

    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Estou tentando voltar ao hábito de assistir mais filmes.
    Em janeiro consegui assistir alguns tbm e amo Donnie Darko *_*

    ResponderExcluir
  4. Eu adoro tanto posts assim <3

    Sou apaixonadíssima por filmes (mais do que por séries), mas comecei a assistir Gilmore Girls e até terminar não vou conseguir sair disso. Os filmes tão esperando.

    A maioria dos que tu assistiu, eu já vi e amo. Aqueles que eu não conhecia, me chamaram a atenção e tô correndo pra marcar como "quero ver" no filmow.

    Cara, 48 livros???? Te desejo toda a sorte do mundo, sério. E espero chegar num número perto disso, a metade tá bom já, uahuahua

    Star Wars <3333333

    ResponderExcluir
  5. Que post enorme, AMEEEEI !
    Nossa, oque dizer de simplesmente acontece.
    Vi esse filme em janeiro e vi ontem de novo.
    Mano, eu choro tanto com esse filme que encho um planeta.
    Beijos, http://tri-vial.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Um hi-five por "O Fabuloso Destino de Amélie Poulain" (feel the same...)! Parabéns pelo sorteio também!! E só pra dizer, adorei o post!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amélie é um dos melhores filmes dessa vida, né? <3
      Obrigaaaaaada!

      Excluir
  7. Estou fazendo algo parecido, mas é um resumo do mês com as coisas que eu mais gostei de ver/ler/ouvir só os melhores sem incluir o resto.
    Mas do seu jeito ficou bem legal, mesmo! Um belo resumo.
    Eu não consegui assistir ao filme Naomi and Ely's No Kiss List. Depois que o Ely se envolve com um não beijável parei de assistir hahahaha fora que a Naomi é MUITO chata XD
    bjuxxxxxx

    ResponderExcluir
  8. Assisti aos 7 primeiros filmes e a Juntos pelo acaso e gosto de todos. A espuma dos dias até li o livro e acho uma coisa linda de viver! Amélie Poulain assisti pela primeira vez (inteiro, só tinha assistido partes) no mês passado e ME APAIXONEI. Que filme maravilhoso, um dos meus favoritos pra vida de agora em diante. Achei legal cê falar sobre esse No Kiss List, porque sempre vejo no Netflix e fico me perguntando se vale a pena ver ou não. Vou dar uma chance!

    Acabei de descobrir o seu blog e já gostei :)

    blogdeclara.com

    ResponderExcluir
  9. Também sempre quis fazer esses resumos mensais, vou roubar sua ideia, posso? Se você disser que posso, não vai ser roubo, mas assim... Cê entendeu. HAUHAUHA

    Eu não consigo reassistir filmes a menos que esteja acompanhada, porque sempre fico impaciente. Por mais que eu ame o filme, só se estiver acompanhada mesmo. A única coisa que consigo repetir são meus episódios favoritos de Doctor Who, HAUHAUA.

    Amélie é legal, mas não reconheço todas as maravilhas que todo mundo vê nele. Acho que eu deveria reassistir, porque assisti faz muito tempo, e desde então sempre me ferrei com cinema francês e parei de ver filmes desse país, ÇELFLASD,Ç. Já Donnie Darko eu acho meio viajado demais pro meu gosto. Gosto de coisa viajada, mas gosto de coisa viajada com sentimento, e não sinto isso em Donnie Darko (não pergunte, acho que sou louca). Gostei do filme sim, mas esperava mais, haha.

    Orgulho e Preconceito e Amor e Inocência (isso ficou extremamente esquisito) estão eternamente na minha lista de coisas que tenho que assistir antes de morrer. Essa lista é enorme e só aumenta, vejamos se eu consigo ÇLSMDFMLSDA

    Simplesmente Acontece não me chamou a atenção, apesar de eu adorar comédias românticas. Já Como Não Esquecer Essa Garota eu nunca nem tinha ouvido falar, mas despertou minha curiosidade. E A Espuma dos Dias não vou nem dar uma chance pelos motivos supracitados, HAUEHAUAE.

    Naomi and Ely's No Kiss List tá anotado aqui nos filmes pra ver, porque adoro coisinhas assim. Esses tempos li um livro chamado Lonely Hearts Club que tem um plot parecidinho, gostei bastante do livro. Leve e queridinho, haha.

    Oh My God? parece bacana. Vou tentar assistir (sou chata pra documentários) e direi se realmente existe esse tom que tira sarro ou se é coisa da tua cabeça, HAUAHAHU.

    Eu não visito aquários nem zoológicos há séculos, por questões morais mesmo. Acho triste a vida que esses bichos levam :(

    E PARABÉNS POR TER GANHO, UHUL! Espero que o livro seja bom. :33

    Não consegui gostar de Unbreakable Kimmy Schmidt e acabei abandonando logo no comecinho. Não sei dizer o porquê, achei o plot legal e as personagens também, mas não consegui continuar. Triste isso. :( Já Degrassi: Next Class eu disse que adorei, né? Pois então, adorei! HAUAHUA Sou eternamente grata pela recomendação.

    Nunca nem ouvi falar em James Bay, mas conferir não arranca pedaço né?

    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  10. Taaati!

    Nem sei quantas vezes já re assisti Amelie e olha que eu quase nunca faço isso, mas é muito amor.
    Preciso ler Orgulho e Preconceito pra ver o filme, nunca tive nenhum contato com nenhum dos dois. Já simplesmente acontece, eu não li o livro e não tenho interesse no momento, mas dizem que o livro é bem mais sofrido, já que eles realmente só ~se juntam~ quando estão mais velhinhos e no filme poucos anos se passam.

    Ainda não li A lista do não beijo, mas imagino que seja bem bacana :D
    E eu sou malala ta na minha lista aqui, quero muito ler.

    Beeijo
    Resenhando Sonhos

    ResponderExcluir
  11. Oi, Tati!
    Amo Amélie Poulain <3 Ele é um daqueles filmes que faz a gente recuperar a esperança na humanidade mesmo. Algumas cenas são verdadeiros clássicos pra mim.

    Donnie Darko é incrível também. Lembro de ter exclamado QUE FODA!!! quando terminei de assistir haha. Preciso rever.

    Aff, Orgulho e Preconceito <3 Tava pensando esses dias que esse filme é um pequeno milagre.

    AGORA, Amor e Inocência! MEU DEUS <3 É até ridículo o quanto eu chorei no final desse filme. JAMES MCAVOY <3 Ai, quanto sofrimento. Ainda não tive coragem de assistir de novo.

    Vi Simplesmente Acontece no cinema e me apaixonei perdidamente. Lily Collins e Sam Claflin são muito lindos, não aguento.

    Como não esquecer essa garota está na minha lista do Netflix. E acho que a pessoa que juntou Alexis Bledel e Zachary Levi merecia um prêmio. Esses dois são muito fofos!

    Queria ler A Espuma dos Dias antes de conferir o filme =/

    E olha, só de saber que o filme é uma comédia com a Katherine Heigl, já fico com o pé atrás...

    Quero MUITO ler Eu sou Malala. Parece uma história memorável. E boa sorte na sua meta de leitura do ano!!

    Também preciso conhecer o James Bay. Acho ele uma gracinha <3 E tenho uma amiga apaixonada pelo trabalho dele. Não sei por que cargas ainda não ouvi o moço. Mudarei isso agora, brigada por ter me lembrado HAHA

    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Oii, tudo bem?
    Em sua lista de filmes só assisti Simplesmente Acontece, amo esse filme e o livro haha, esse mês li nenhum livro! Estou na ressaca literária :(
    Pretendo começar a sair mais de casa e conhecer coisas novas *-*
    Beijos!
    www.mandyline.com

    ResponderExcluir
  13. Eu sei que tem um post novo, mas é que eu assinei netflix recentemente e tô muito feliz com essa lista de filmes COM CARA DE QUE VOU AMAR TODOS que você me deu de presente aqui <3 brigada!
    E obrigada pelos parabéns também ♥ ♥ ♥

    ResponderExcluir

Postar um comentário

-Spam não são publicados.
-Costumo responder todos os comentários no blog de quem os faz, se você estiver em anônimo, volte ao post em que comentou que responderei no mesmo.
-Obrigada por visitar <3